Arquivo de Notícias
Trio Olmeta realizará apresentação nesta quinta no Auditório Antonio Melillo.



O Trio Olmeta é formado por Cécile Voltz (França), Roberto Moura (Brasil/França) e Laurence Decaesteker (França). O grupo apresentará numa série de concertos no Brasil, cantos da Ucrânia, Bulgária, sul da Itália, Sardenha, e de regiões da França: Béarn, Provence, Córsega e Bretanha. O repertório do trio privilegia as polifonias à capella, são cantos sem acompanhamento instrumental com mais de uma linha melódica. Convidando o público a mergulhar no imenso patrimônio mundial dos cantos de tradição oral. Cantos de tradição oral são músicas que atravessam gerações transmitidas oralmente.

A identidade dos autores é desconhecida e muitas vezes a mesma melodia é encontrada com letras e variações em vilarejos pouco distantes. Existem cantos de trabalho, de passagem das estações, de casamento, de mortos, dentro outros. Nas comunidades tradicionais esses cantos são intimamente ligados à rituais e não existem fora deles. Gerações de músicos entraram em contato com esse riquíssimo acervo de diversos países e emprestaram sua sensibilidade para transmitir esta rica herança da humanidade.

A apresentação o Campus de Curitiba II acontecerá nesta quinta, 7 de dezembro, às 16h, no Auditório Antonio Melillo.

 

MAIS SOBRE O TRIO OLMETA

O Trio Olmeta foi criado em 2014, no Festival de Outono de Polifonias de tradição Oral de Patrimônio, Córsega. Cécile Voltz Desenvolve há anos o estudo da relação voz, corpo e espaço a partir da pesquisa e interpretação de cantos de tradição oral. Diretora artística e co-fundadora da Associação de Aix “Loucine & Company...”. Formada ainda na educação musical pelo método Willems e do Método Feldenkrais com F. Combeau. Roberto Moura é professor de canto e regente do coral infantil e adulto no Conservatório Regionalde Bobigny na França e preparador vocal do coro infantil da Maîtrise da Radio France em Paris. Roberto Moura é formado em Estudos de Canto pelo Conservatório Superior de Lausanne na Suiça, Pedagogia Musical e Performance Infantil pela Universidade de Paris XI e tem diploma de instrutor do Método Feldenkrais pelo IFELD, Centro de Formação ao Método Feldenkrais de Lyon, na França. Roberto Moura e Cécile Voltz se encontraram na Universidade de Paris XI em 2001, onde Cécile Voltz foi professora de regência coral. A partir desse encontro os dois desenvolvem intensa parceria na pesquisa e interpretação de cantos de tradição oral de diversas origens. Laurence Decaesteker é cantora, artista plástica e pedagoga em educação artística. Além do trabalho com o trio, Roberto Moura e Cécile Voltz participam de diversas formações, dirigem em Paris e Aix-en-Provence grupos de cantores e intérpretes de músicas de tradição oral além de ministrarem regularmente cursos e masterclass

Recomendar esta notícia via e-mail: